Brasil se mantém no Conselho de Direitos Humanos da ONU

Com 153 votos, o Brasil manteve o seu assento no Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (CDH/ONU) como país mais votado, à frente da Venezuela (com 105 votos,  também eleita) e Costa Rica (que obteve 96 votos, não eleita). Nos dias que antecederam a votação, houve uma grande mobilização de movimentos sociais de toda América Latina. Primeiramente, em carta datada de 9 de outubro, 869 entidades declararam seu apoio. Mas o movimento de adesões continuou e duas novas listas já foram publicadas, uma contendo 83 assinaturas e outra com 34…

Navegar